Ter um iPhone e não contar com acesso ilimitado à internet não faz sentido. É na rede que está a maior parte dos serviços e aplicativos oferecidos para o smartphone. Pelo menos os mais legais.

Para driblar o preço elevado de um plano de dados 3G sem limites, o acesso por redes Wi-Fi acaba sendo uma ótima alternativa. Mas isso representa uma ameaça potencial.

O crescente número de usuários das redes Wi-Fi públicas ou comerciais atrai a atenção de criminosos virtuais e, maiores são as chances de o usuário ter suas informações invadidas por algum bisbilhoteiro.

Listamos a seguir algumas técnicas que irão ajudar você a ficar mais protegido quando for se conectar a uma rede Wi-Fi.

E-mail seguro
Por padrão, o iPhone utiliza criptografia SSL (Secure Sockets Layer) para contas de e-mail que utilizam protocolos POP, IMAP e SMTP. Conexões de e-mail SSL funcionam como seções web seguras em que o software cliente de e-mail do iPhone troca informações de certificado digital com o servidor de correio eletrônico e cria um túnel criptografado que não pode ser violado com o uso de nenhuma técnica conhecida.

Para contas AOL, Gmail, Yahoo! Mail e MobileMe que você configura na tela Mail, SSL é a opção padrão e não deve ser mudada.

Para outras contas, você terá que verificar junto ao seu provedor de internet se ele suporta conexões SSL. Se seu provedor não lhe der uma opção segura, talvez você possa contornar o problema ajustando sua conta de e-mail para encaminhar ou copiar mensagens recebidas automaticamente para um serviço seguro como o Hushmail. Você pode, então, configurar uma conta Mail no iPhone para recuperar e-mail do Hushmail com total confiança.

Redes seguras via VPN
Como os usuários de notebooks, os donos de iPhones devem utilizar uma Rede Privada Virtual (VPN) quando conectam a redes Wi-Fi desconhecidas. O iPhone suporta três tipos de conexões VPN e permite que você configure múltiplos perfis VPN, cada um com informações exclusivas. Isso é ótimo para usuários que necessitam de duas ou mais VPNs para o trabalho.

Alguns serviços fornecem uma VPN amigável com o Mac por uma taxa mensal. O WiTopia.net talvez seja a opção melhor e mais barata para usuários do iPhone. Quando você adquire o serviço VPN de 40 dólares por ano, ele disponibiliza uma conexão com protocolo gratuito de rede segura PPTP para o iPhone.

Para configurar a VPN, vá a Ajustes -> Geral -> Rede -> VPN e toque em Adicionar Configuração VPN. A janela de diálogo Adicionar Configuração exibe os três protocolos suportados: L2TP, PPTP e IPsec. Consulte o administrador da sua rede se você não tiver certeza de qual deve usar. Você pode habilitar sua VPN através da chave On/Off na tela de ajuste VPN.

Mas atenção: Infelizmente, o recurso VPN do iPhone não é tão integrado quanto deveria. As conexões VPN caem quando o iPhone alterna entre as redes Wi-Fi, EDGE e 3G. Você precisa desativar e reativar a VPN manualmente quando passa de uma conexão de rede para outra.

Retirado do: MACWORLDBRASIL