Enquanto o Twitter faz vítimas fatais na Romênia (ou algo do tipo), o iPod salva uma vida, pela primeira vez. Não foi algo simples tipo aguentar o impacto de uma bala. Durante uma tempestade em Southend (Inglaterra), o iPod da adolescente Sophie Frost se jogou na frente de um raio de possivelmente 300 mil volts e morreu. Mas salvou a garota, que apenas desmaiou. O namorado dela, que provavelmente usava um Zune, levou a pior.

Sophie andava com o namorado Mason Billington, ambos de 14 anos (sim, a Inglaterra está moralmente perdida. Onde já se viu!), e quando uma tempestade de raios começou a apertar, eles fizeram o que o Manual do Escoteiro-Mirim me ensinou a não fazer: buscaram refúgio embaixo de uma árvore. Um raio atingiu a árvore onde os dois estavam encostados, que desmaiaram. Onde o iPod entra na história? Pela reportagem do The Sun traduzida pela Época Negócios, da seguinte forma:

Segundo um especialista do Centro de Meteorologia do Reino Unido, Paul Knightley, o que deve ter acontecido é que a árvore foi atingida por um raio, que então passou para os adolescentes através das roupas molhadas. Ele disse que o raio sempre procura o caminho mais fácil para chegar ao solo e o metal no iPod de Sophie funcionou como condutor.

Também por causa dos fios a menina sofreu queimaduras no tórax, mas isso não é tão chamativo quanto “iPod salva menina”. O rapaz ainda está no hospital, se recuperando, mas parece ter sofrido danos na visão. Ele não portava um Zune, ao contrário do que foi dito antes pela mídia sensacionalista. [The News Bizarre e The Sun via Época Negócios]

Fonte: Gizmodo Brasil

Doidera 😯